"Sistemas de Inovação"

O conceito de sistema (nacional) de inovacão é amplo e compreende os produtores e usuários de novas informações, conhecimento e saber fazer (know-how). Os atores-chave do sistema são as universidades e instituições de ensino e pesquisa em geral, organizações de pesquisa e desenvolvimento de produtos e negócios intensivos em conhecimento, indústria, instituições governamentais de fomento e regulação, sistema financeiro de apoio a negócios inovadores, sistema legal. A tarefa principal das políticas de ciência, tecnologia e inovação é assegurar o desenvolvimento do sistema de inovação e apoiar as interações dos atores do sistema.

Em países desenvolvidos a articulação entre esses atores é estruturada e parece natural, por exemplo, interação entre universidades, institutos de pesquisa e empresas. Em países, em desenvolvimento, entretanto, não é comum a interação entre esses agentes para a promoção de inovações, assim como o nível de novidade das inovações em produtos e serviços é quase sempre baixo, considerando-se principalmente o grau de novo conhecimento aplicado e gerado, além de que faltam mecanismos, principalmente financeiros e institucionais, para promover a estruturação do sistema de inovação destes países. Os países em desenvolvimento geralmente se apoiam em estratégias para promover o catching up em relação aos países desenvolvidos, as tecnologias de informação e comunicação e biotecnologia têm sido amplamente difundidas como importantes no processo de catching up.

Em relação à realidade dos países africanos tem-se que os maiores problemas para promover inovação são: falta de financiamento e recursos humanos para inovação; falta de infraestrutura básica (sistemas de pesquisa, universidades, internet, eletricidade, etc.) de suporte à inovação; falta prioridade política e econômica – pobreza, segurança, alimentação, prevenção de disastres naturais são mais importantes na agenda dos países e das agências doadoras internacionais; capacidade científica e tecnológica estão altamente concentradas em certos países (por exemplo na África do Sul, Egito); e pesquisadores, inovadores e empreendedores africanos colaboram mais com europeus, americanos e chineses do que com outros africanos.

 
Sistemas Nacionais e Regionais de Inovação

Medição de Inovação

Politicas de Inovação

Mais documentos relacionados com os Sistemas de Inovação

Share